Você já pode conferir o “Dunkirk” original antes do épico de Christopher Nolan

Não sei se vocês sabem, mas o próximo filme do diretor Christopher Nolan – o mesmo da Trilogia de Batman, O Cavaleiro das Trevas (2005; 2008; 2012); A Origem (2010); e Interestelar (2014) – é um drama de guerra que promete ser épico, e chama-se Dunkirk (2017). Com estreia prometida para 27 de julho, a obre é baseado na história real da Operação Dínamo, mais conhecida como a Evacuação de Dunquerque, operação militar que aconteceu no início da Segunda Guerra Mundial.

Mas, e que tal conferir antes o filme inglês que primeiro adaptou a história real de Dunkirk, há 59 anos?

Lançamento da Classicline em DVD, Dunkirk (1958) é um drama de guerra reconstitui um famoso episódio da II Guerra Mundial, quando soldados ingleses e franceses ficaram encurralados por forças alemãs na cidade litorânea de Dunkirk, na região francesa de Nord-Pas-de-Calais, situada a 10 km da fronteira com a Bélgica.

Com uma sensibilidade narrativa e tendo a guerra como ponto de conversão, o filme acompanha duas histórias paralelas.

A primeira foca em um grupo de soldados, que em meio à batalha na França, o Cabo “Tubby” Binns (John Mills, de Gandhi, 1982) encontra-se responsável pelas vidas de seus homens, e sabe que tem que levá-los de volta para a Grã- Bretanha o mais rápido possível.

A segunda, em civis britânicos, que estão sendo arrastados para a guerra com a Operação Dynamo. Envolvidos em um esquema para resgatar as forças francesas e britânicas de volta das praias de Dunkirk. Alguns vêm para a frente para ajudar, como o jornalista Charles Foreman (Bernard Lee, de 007 Contra o Satânico Dr. No, 1962), mas outros estão menos dispostos, como John Holden (Richard Attenborough, de Jurassic Park, 1993), um fabricante militar que usa a guerra para obter lucros.

Dirigido por Leslie Norman – o mesmo de Sete Contra a Selva (1961) e Sonhos do Destino (1955) – Dunkirk data de 1958, mas é extremamente vibrante. Entre uma missa de domingo e um ataque na praia, uma sequência é emocionante, além das seguidas tentativas de fuga via barco nas águas francesas.

Uma curiosidade, no Brasil, o filme chegou a ser exibido em TV com o título de O Drama de Dunquerque (que inclusive está registrado em sua nova capa), mas para o lançamento em DVD, a Classicline optou pelo título original da obra (Dunkirk). Nos extras, uma Galeria de Fotos e os Cartazes Originais da época. Um grande filme, recomendado para colecionadores do cinema e amantes dos filmes de guerra.