“Os Bons Companheiros” é filme de gângster clássico e ganha Edição Especial de Aniversário

/home/tribu/public html/wp content/uploads/sites/14/2015/08/Blu ray Goodfellas
“Os Bons Companheiros” ganha edição especial em Blu-ray (Foto: Warner)

Os Bons Companheiros (Goodfellas, 1990) de Martin Scorsese

O filme: Henry Hill (Ray Liotta) conta a sua história de garoto do Brooklyn, Nova York, que sempre sonhou ser gângster, começando sua “carreira” aos 11 anos e se tornando protegido de James “Jimmy” Conway (Robert De Niro), um mafioso em ascensão.

Tratado como filho por mais de 20 anos, ele se envolve com mafiosos perigosos (Joe Pesci, Paul Sorvino e Mike Starr), pratica golpes cada vez maiores e se apaixona por Karen Hill (Loraine Bracco). O ambicioso Hill conquista prestígio, se envolve com o tráfico de drogas, prática grandes roubos e ganha muito dinheiro, mas os agentes federais estão na sua cola e o seu destino pode mudar a qualquer momento.

Porque assistir: obra concorreu à 6 Oscar, incluindo melhor filme, diretor, roteiro adaptado, montagem, atriz coadjuvante (Lorraine Bracco) e ator coadjuvante (Joe Pesci). Pesci levou a estatueta solitária do filme.

É um filme de gângster inesquecível e que se tornou um clássico. Assinado por um dos maiores mestre do cinema, Martin Scorsese, e adaptado a partir do best-seller de Nicholas Pileggi, Wiseguy, por sua vez baseado em fatos reais.[tribuna-veja-tambem id=”9106″ align=”alignright”]

Dono de 11 indicações ao Oscar – entre melhor filme, diretor, filme e roteirista – Scorsese venceu o prêmio de diretor e filme com Os Infiltrados (2006), outra obra que envolve a máfia. Produção concorreu ao Leão de Ouro em Veneza e saiu com o Leão de Prata (melhor diretor – Scorsese), prêmio da crítica e do público.

Melhores momentos: todas as cenas de Joe Pesci na pele de Tommy DeVito. O baixinho é desbocado, extremamente violento e imprevisível, e deixa claro isso desde a primeira cena. Entre risos, palavrões e sangue, a tensão nunca cessa. Palmas para Pesci, indicado ao Globo de Ouro de coadjuvante e vencedor do Oscar na categoria.

Entre as várias sequências cinematográficas, o primeiro jantar no restaurante Copacabana entre Ray Liotta e Lorraine Bracco é sensacional. Da entrada pela cozinha, até a chegada à sua mesa. Incrível.

Pontos fracos: talvez o nível de atuação de Ray Liotta seja uma voltagem de intensidade um pouco menor que os demais do elenco.

Na prateleira da sua casa: o Blu-ray de Edição Especial de Aniversário (preço médio R$ 59,90) de 25 anos é item obrigatório de colecionador. A edição especial da obra-prima apresenta dois discos em Blu-ray, com filme restaurado em nova transferência 4K a partir dos negativos originais, supervisionado pelo próprio Scorsese.

Disco 1: o filme; Comentários em Áudio: Especiais “Elenco e Equipe” e “Polícia e Ladrão”; Disco 2: um documentário totalmente novo inclui entrevista com o diretor, o elenco e alguns dos seus gângsteres favoritos de seus filmes (Robert De Niro, Leonardo DiCaprio, Harvey Keitel, Ray Liotta, Jack Nicholson e Joe Pesci); Especiais “Ficando Pronto”, “Homens Feitos”, “O Dia de Trabalho de um Gângster”, “Papel é mais barato do que filme”; Trailer.

/home/tribu/public html/wp content/uploads/sites/14/2015/08/Termo vetor segunda versão DEITADA 10