O Jardim Secreto (1993)

O Jardim Secreto (Foto: Warner/divulgação)

O Jardim Secreto (The Secret Garden, 1993) de Agniezska Holland

O filme: após a morte dos pais, na Índia, Mary (Kate Maberly) chega à Liverpool, na Inglaterra, para viver com seu tio, o viúvo Lorde Archibald Craven (John Lynch), numa mansão de imenso jardim. A propriedade é administrada pela governanta (linha-dura) Sra. Medlock (Maggie Smith) e lá também vive Colin Craven (Heydon Prowse), seu primo, sempre escondido do mundo no seu quarto.

É quando Mary descobre um jardim secreto e abandonado, que poderá mudar sua vida, bem como a de todos que vivem naquela casa.

Porque assistir: adaptação de uma premiada obra literária inglesa de em 1911. É considerado a mais importante obra de Frances Hodgson Burnett, pois é o primeiro livro no qual um garoto e uma garota são os personagens principais;

A veterana Maggie Smith, como a governanta, esbanja classe num filme que diverte e emociona. Uma obra para toda a família;

Melhores momentos: o descobrimento do jardim secreto e sua transformação viva, numa espécie de mágica.

Pontos fracos: por vezes, o tom é excessivamente doce. Mas nada que abale o ótimo filme.

Na prateleira da sua casa: o restabelecimento da fé através da mágica de um jardim que renasce e distribui sua vida. Uma lição de vida para acreditar em si e ter uma força de vontade sem fim. Um filme belo, que faz bem aos olhos e ao coração;

Na direção, a premiada Agniezska Holland, indicada ao Oscar de roteiro por Filhos da Guerra (1990). Outros trabalhos da diretora, Eclipse de uma Paixão (1995), O Segredo de Beethoeven (2006) e o indicado ao Oscar de filme estrangeiro, In Darkness (2011).