Livro com um protagonista felino ganha adaptação cinematográfica

A 2ª edição do best-seller Um Gato de Rua Chamado Bob, publicada pelo grupo Grupo Editorial Novo Conceito, está nas livraria com novo visual. Depois de conquistar milhares de pessoas em 26 países ao redor do mundo e permanecer por 52 semanas consecutivas na lista dos mais vendidos da Inglaterra, a obra ganha no mesmo mês a versão cinematográfica com a participação do próprio Bob.

Acompanhando James, um músico pedinte das ruas, o leitor conhece Bob, um gato diferente de qualquer outro. Ex-dependente químico em processo de desintoxicação, o cantor encontra o felino alaranjado pelos corredores do prédio onde mora e descobre o norte que faltava para dar um novo rumo na vida.

“Não sei por que, mas a responsabilidade de cuidar dele blindou-me um pouco. Senti como se tivesse um propósito extra em minha vida, algo de positivo a fazer por alguém – ou por um animal – além de mim mesmo.” p.21

James Bowen conduz o leitor a uma incrível jornada de superação. Por meio de relatos pessoais, o autor conta como o pequeno animal foi essencial para a reabilitação das drogas e a própria transformação, passando de alguém absolutamente sozinho para um homem que encontrou o verdadeiro valor da amizade.

Versão cinematográfica

O filme baseado no best seller tem estreia agendada no Brasil para 26 de dezembro, estrelado por Luke Treadway (Invencível, 2014; Ataque ao Prédio, 2011). Na direção, o experiente Roger Spottiswood, o mesmo de Sob Fogo Cerrado (1983), Uma Dupla Quase Perfeita (1989), Air América – Loucos Pelo Perigo (1990), Paer! Senão Mamãe Atira! (1992), 007: O Amanhã Nunca Morre (1997), História de um Massacre (2007) e Orfãos da Guerra (2008).

BOB

Após o lançamento da obra em 2012, Bob tornou-se uma sensação no mundo inteiro. Além do livro Um gato de rua chamado Bob, James publicou dois outros títulos: O mundo pelos olhos de Bob e Bob – Um gato fora do normal, todos lançados pela editora Novo Conceito. A história comovente dessa improvável amizade comprova que, às vezes, é preciso sete vidas para salvar uma.

O AUTOR

James Bowen nasceu na Inglaterra em 1979. Em 2007, vivendo em uma casa para dependentes químicos, encontrou um gato alaranjado nos corredores do abrigo; deu-lhe o nome de Bob, amarou-lhe um cadarço como coleira e passou a viver o tempo todo ao lado do gato, seu “motivo para acordar todos os dias”. Seus livros Um gato de rua chamado Bob, O mundo pelos olhos de Bob e Bob – Um gato fora do normal foram best-sellers internacionais. James agora dedica seu tempo ajudando várias obras de caridade que envolvem alfabetização e bem-estar animal.