Category: Script

Crítica: M. Night Shyamalan destila passado, presente e futuro em “Fragmentado”

M. Night Shyamalan. Eu um fui um dos poucos no mundo que o defendi em A Dama na Água (Lady in the Water), ao publicar um texto no Guia Vida & Arte do jornal O Povo, lá atrás em 08/09/2006. “A Dama na Água é tão diferente quanto igual aos anteriores. De diferente percebe-se o tema,…

Crítica: longe da fantasia dos super-heróis, “Logan” é realista, brutal e arrepiante

Logan (Logan, 2017) de James Mangold Por Davi Nogueira* Por 17 anos o ator australiano Hugh Jackman (indicado ao Oscar de melhor ator por Os Miseráveis, 2012) encarnou, nos cinemas, o mutante Wolverine, um dos mais populares heróis do universo de quadrinhos da Marvel. Sua entrega física e emocional ao…

Crítica: Aventura à moda antiga, “A Grande Muralha” supera falhas com entretenimento

Parceria de um grande estúdio de Hollywood, e o cinema chinês, A Grande Muralha (The Great Wall, 2017) de Zhang Yimou é uma aventura à moda antiga, que consegue superar suas falhas com o bom e velho entretenimento. E o confronto inicial já mostra ao que veio a produção, sem nem pestanejar. A…

Crítica: ‘Cinquenta Tons Mais Escuros’ reforça o estereótipo de mulher-objeto

Cinquenta Tons Mais Escuros (Fifty Shades Darker, 2017): o pior filme do ano. Até aqui. Com sequências previsíveis, personagens unidimensionais, suspense fake e momentos “quero-ser-sexy”, ornamentado de uma grande playlist do Spotify e uma mensagem extremamente perigosa, Cinquenta Tons Mais Escuros (Fifty Shades Darker, 2017) de James Foley, é um…

Crítica: indicado ao Oscar de melhor filme, “A Qualquer Custo” é um western urbano

Assaltos a banco. Fugas desenfreadas. Bandidos mascarados. Tiroteio. Um velho Xerife em busca dos criminosos. Chapéus de cowboys. Um índio. Tudo em meio a um cenário árido do oeste americano. Estamos falando de um western, certo? Digamos que de certa forma sim, pois A Qualquer Custo (Hell or High Water,…

Crítica: “O Chamado 3” é um recado para deixarmos Samara em paz

Após me deparar com O Chamado 3 (Rings, 2017) de F. Javier Gutiérrez já inicio meu texto com um pedido: deixem a Samara em paz! Explico: Abandonada pelos pais, foi adotada pro uma família de fazendeiros. Contudo, família era uma palavra que não se aplicava ali. Após relatarem atos estranhos, primeiro…

Crítica: história real de “Estrelas Além do Tempo” é contada em ritmo de novela

A história real na qual o filme Estrelas do Tempo (Hidden Figures, 2016) é baseada, é incrível e merece ser contada. Em plena Guerra Fria, enquanto Estados Unidos e União Soviética disputam a supremacia na corrida espacial, a Nasa reproduz dentro dos seus escritórios e laboratórios a segregação racial da…

Crítica: game over ou continue para “Resident Evil 6: O Capítulo Final”?

Depois de seis adaptações ao cinema, Paul W.S. Anderson – produtor e roteirista de todos, e diretor dos capítulos um, quatro, cinco e esse sexto – apresenta, como o próprio subtítulo já diz, esse Resident Evil 6: O Capítulo Final (Resident Evil: The Final Chapter, 2017) como a última. Mas…

Crítica: homenagem aos musicais clássicos, “La La Land” é perfeito por ser imperfeito

Que tal flagrar, no meio de um engarrafamento de Los Angeles, um grupo de motoristas sair dos seus carros para cantar e dançar uma coreografia apenas de “um outro dia de sol” (Another Day of Sun)? E porquê não trocar de sapatos (para sapatear, ora!) ao fim de uma festa, ao…

Crítica: “Passageiros” é uma comédia romântica no espaço sem surpresas

Robinson Crusoé encontra A Bela Adormecida no espaço. Essa é a melhor definição de Passageiros (Passengers, 2016) de Morten Tyldum, uma ficção-científica romântica. Ou seria uma comédia romântica espacial? Estrelada por Chris Pratt e Jennifer Lawrence (e não o inverso, como consta nos créditos da superprodução), o cenário é uma nave…